E essa dieta, será que está correta?

Saúde - publicada em 20/11/2015  

A busca por um corpo saudável nunca foi tão discutida como ultimamente. Para tirar algumas dúvidas e dar dicas de como emagrecer sem prejudicar a saúde, a Millenium conversou com a nutricionista Christina Helal, especialista em Nutrição Clínica.

O desejo por um corpo dentro dos padrões impostos pela sociedade faz com que muitas pessoas tomem medidas radicais para alcançar um objetivo com mais rapidez e facilidade. Exercícios sem orientação e medicamentos sem prescrição são algumas maneiras. Quais são os principais riscos que corremos ao tentar conquistar o corpo perfeito de maneira incorreta?

Os principais riscos são os efeitos colaterais que medicamentos, hormônios, atividades em excesso e dietas restritas podem causar. As dietas restritas podem provocar perda de massa muscular, hipoglicemia, queda da pressão arterial, deficiências nutricionais graves, hipotireoidismo, anemias, transtornos alimentares (anorexia, bulimia) e até a morte, dependendo da situação.

Por isso, um acompanhamento com um nutricionista é fundamental para a conquista e a manutenção do resultado. Pode até demorar um pouco mais, mas com certeza, será saudável e duradouro. Irá evitar também o efeito sanfona.

1) Automedicação, dietas malucas e exercícios sem acompanhamento. Quais dessas atitudes trazem mais riscos a saúde? Por que?
As três situações tem riscos graves e específicos e, normalmente, as pessoas recorrerem aos três ao mesmo tempo, agravando ainda mais a situação.

2) Para evitar uma consulta médica, a pessoa usa receitas e dietas achadas na internet ou até mesmo a dieta de outra pessoa. Isso pode trazer que tipo de complicação?
Primeiro de tudo, uma atitude assim não garante resultado satisfatório. O que deu certo com a amiga ou vizinha não significa que dará certo com você. Fazer uma dieta sem acompanhamento ou usar um remédio sem prescrição pode comprometer a saúde, degradar a massa muscular, causar dependência química ou transtornos psicológicos.

3) Os anabolizantes também são comuns nesses casos. Quais são os principais riscos para quem usa?
Os anabolizantes aumentam o risco de câncer e infarto, podem gerar lesões devido ao súbito aumento de força e pouco preparo mental e nos tendões, perigo de morte, problemas cardiovasculares.
A dosagem extra de hormônios causa o aceleramento do metabolismo, podendo obstruir veias e impedir a passagem do sangue de forma normal, o que pode ocasionar ataques cardíacos, surgimento de acne (pois quanto maior a dosagem de anabolizantes, mais oleosa a pele tende a ficar, o que pode ocasionar o surgimento de espinhas), problemas de fertilidade (há grandes riscos de atrofia dos testículos e infertilidade).
As doses de hormônio levam a perda da capacidade de produzir testosterona, levando a possível impotência. Jovens menores de 21 anos que se arriscam ao uso de anabolizantes podem atrapalhar a fase de crescimento devido ao excesso de testosterona encontrada na fórmula, piorando o desenvolvimento natural.

4) Qual a orientação para emagrecer, definir e engordar de forma saudável?
Como não existe uma fórmula pronta, a melhor orientação é procurar um nutricionista. O profissional irá definir o melhor tratamento nutricional de forma individualizada, traçando metas, fazendo uma reeducação alimentar adequada para cada rotina e objetivo.


Veja 10 dicas para emagrecer de forma saudável

1. Tenha uma alimentação balanceada e variada consumindo os alimentos de todos os grupos alimentares: cereais; frutas; verduras e hortaliças; leite e derivados; leguminosas; carnes; doces e gorduras. Lembre-se sempre que cada grupo destes fornece nutrientes que são importantes para o bom funcionamento do seu corpo. Não elimine nenhum dos alimentos dos grupos citados.

2. É importante, que você analise a qualidade dos alimentos que está consumindo. Ou seja, prefira sempre os alimentos preparados de forma cozida, assada ou grelhada. Nada de fritura!

3. Faça uso de cereais integrais, como farelo de aveia, fibra de trigo, linhaça, gergelim, dentre outros, em preparações como vitaminas de frutas, iogurtes, sucos de frutas ou até mesmo sobre as próprias frutas. Estes cereais integrais possuem boa quantidade de fibras, que são essenciais para quem quer perder peso, pois estimulam a saciedade, controlando o consumo alimentar.

4. Faça uso de leite e derivados magros. Dê preferência ao uso de leite e iogurte desnatado ou light e prefira queijos do tipo ricota e minas frescal. Estes alimentos possuem menor quantidade de gordura, desta forma você consome estes alimentos que são fontes de proteínas para o nosso organismo, sem estar consumindo muita quantidade de gordura.

5. Realize de 5 a 6 refeições por dia: café da manhã (desjejum), lanche da manhã, almoço, lanche da tarde, jantar e ceia. Nos lanches dê preferência ao consumo de frutas, caso esteja na rua ou no trabalho prefira as frutas de fácil transporte como maçã, pêra, tangerina, laranja, banana, ameixa fresca, dentre outras.

6. No almoço, capriche no consumo de saladas, principalmente as cruas, pois estas exigem mais mastigação, estimulando a saciedade. Prefira o consumo da salada antes das outras preparações. Varie bastante no tipo de salada consumida.

7. Beba bastante líquido durante o dia. Faça a ingestão de no mínimo dois litros de água por dia entre as refeições. Lembre-se que a sede é um dos primeiros sintomas de desidratação, portanto beba água antes de sentir sede.

8. Se movimente! Para perder peso, é necessário que o seu organismo aumente o gasto de energia e isto pode ser alcançado através da prática de alguma atividade física. Procure um profissional especializado para indicar o tipo de atividade física adequada para você.

9. Não coma com pressa. Realize uma mastigação adequada, corte os alimentos em pequenas porções e mastigue bastante, esta prática melhora a sensação de saciedade, porque o cérebro recebe a mensagem de satisfação do apetite.

10.Não verifique o seu peso diariamente, mas sim semanalmente. Se pesar várias vezes cria uma ansiedade, que pode aumentar o seu consumo alimentar.

DRa. CHRISTINA HELAL
Especialista em Nutrição Clínica.
CRN - ES 12100363

CONSULTÓRIOS:
Praia da Costa, Vila Velha: 27 4141.0050
Barro vermelho, Vitória: 27 3026.1313

Voltar
SAC Millenium Comercial - 0800-607-8000 | Crédito e cobrança (27) 3182-1515